e depois trabalhamos trabalhamos e o trabalho é assim um estar prisioneiro entre o futuro e passado


clik1    clik2    clik3    clik4    clikChapa    clikCybeRider    clikSusanne    2ºclikCybeRider    clikRemus  

9 comentários:

Marias Tusen og en Natt disse...

fantastic short shadow!

Chapa disse...

Sem mais comentários! http://youtu.be/-42ZiDIZ7KM

CybeRider disse...

Mas olha que o outro já dizia que "o trabalho liberta".

http://www.youtube.com/watch?v=hIiLnC47nn8

Abraço

Susanne disse...

se não der muito trabalho???
why do you write so?

life is not a straight line

beijos

Susanne disse...

https://www.youtube.com/watch?v=u1Hd7fkMnn8

CybeRider disse...

Pois... Um tango fica sempre bem, mas era de outro projecto (valha-me que não saiu coisa bem pior)...

O vídeo que te queria mandar não era esse, era este:

http://www.youtube.com/watch?v=qE6XRFYfmGU

Há coisas absolutamente inexplicáveis, pior quando o trabalho também é pago nos momentos de inconseguimento, como foi aqui o meu caso.

Desculpa. Um abraço.

the dear Zé disse...

agora já cá está e não sai, é - mesmo - irrevogável!

Remus disse...

Vá "masé" trabalhar e deixe-se de queixumes.
:-)

http://www.youtube.com/watch?v=61b3PA3pCqo

Susanne disse...

ledsen